sexta-feira, 18 de julho de 2014

queijo fresco caseiro fácil

Coisa boa é o queijo fresco que minha mãe fazia. Hoje ela não consegue mais fazer pois vive na cama, mas estou sugando tudo que ela ainda lembra e registrando aqui, pra que as coisas não se percam no tempo. 

Para o queijo fresco da Dona Rosa, você vai precisar de:

- 3 litros de leite de saquinho - eu usei tipo C (aqueles que a gente buscava na padaria antigamente e vinha balançando o saquinho pela rua :)
- 1 colher de sopa cheia de coalho (encontra-se em grandes lojas tipo pet shop e alguns mercados)
- 2 formas cheias de furinhos próprias para queijo

Coloque o leite em uma panela funda e aqueça levemente, para que fique apenas morno. Desligue o fogo. Misture o coalho muito bem com uma colher e tampe a panela. Cubra com um pano e deixe descansar, em cima do fogão mesmo, por aproximadamente 4 horas.

Retire com auxilio de uma escumadeira a massa que se formou (parecida com uma coalhada) e coloque nas formas. Esse conteúdo não irá caber todo de uma vez nas formas. Então é preciso deixá-las escorrendo sobre uma peneira ou um recipiente que possa abrigar o liquido que escorrerá pelos furinhos e, conforme o queijo for "abaixando", você coloca o restante do conteúdo.

Quando toda a massa estiver nas formas, salpique sal por cima e leve para a geladeira. Sempre que abrir a geladeira, retire o soro que escorreu para o recipiente. Após uns dois ou três dias, veja se o queijo já tem firmeza suficiente pra você vira-lo do outro lado, devolver à forma e colocar sal na outra extremidade. Faça isso e deixe descansar mais uns dois dias na geladeira. Você vai notar que quase não sai mais soro e aí é a hora de passar cuidadosamente uma faquinha em volta do queijo para soltá-lo e desenformá-lo.

 Essas são as formas...



...e o coalho que utilizei


 Este é o leite coalhado depois de aproximadamente 4 horas



 Hora de colocar nas formas


  Depois de dois dias, a massa já está mais baixa, a maior parte do soro saiu


 Aqui o queijo que só virei no terceiro dia, ainda quebradiço, coloquei o outro lado pra cima e salpiquei o sal


E este é o queijo desenformado depois de uma semana (resolvi esperar mais porque queria ele bem firme)



Vejam que a consistência dele ficou amanteigada, bem parecido com o que minha mãe fazia, mas o tempo de cura vai da consistência que você mais gosta, é o caso de fazer esse grande sacrifício de ir testando e experimentando. 

E tem mais uma coisinha que ela fazia: o pão de soro de leite. Aquele soro que ficou na panela, virava um delicioso pão de forma. Mas esse, não consegui encontrar a receita nas coisas dela, então improvisei e ficou muito, muito bom! Um pão bem levinho!

Ingredientes:

- 1,5 copo de soro (do queijo) morno
- 4 copos de farinha de trigo
- 1 colher de sopa de manteiga
- 1 colher de sopa de açúcar
- 1 colher de chá de sal
- 1 sachê de fermento biológico seco

Colocar todos os ingredientes na máquina de fazer pão, no ciclo sanduíche ou normal. Esta receita é para um pão de 900 gramas. Ou você pode colocar no ciclo massa, para apenas bater e crescer e, depois, retirar da máquina e dar o formato que quiser e levar ao forno pré aquecido, em temperatura média, em forma enfarinhada por cerca de 30 minutos.


Então boas "queijadas" para todos! hehe

2 comentários:

  1. Hummmm, vou experimentar...
    Tudo que é caseiro com certeza é bem melhor, e essa receita da dnª Rosa está mesmo merecendo uma prova kkkk
    Bjsss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. olá!
      Preciso te avisar que corrigi a receita. É uma colher de sopa de coalho. Uma e meia seria no caso de 5 litros de leite. Acontece que já fiz dos dois jeitos e, como guardo as coisas na cabeça, na hora de postar, confundi.
      Então para 3 litros de leite, que dá dois queijos bacaninhas, você usa uma colher de sopa de coalho, ok?
      abraço!

      Excluir